Novità

João Carlos Martins rege a Bachiana Filarmônica SESI-SP e toca piano em concerto no Teatro Bradesco na terça-feira (27/05)

Orquestra interpreta obras de Beethoven, Bach, Nigel Hess e duas sinfonias de Haydn; ingressos para o concerto estão à venda

A Bachiana Filarmônica SESI-SP e seu maestro titular e diretor-artístico João Carlos Martins apresentam-se no Teatro Bradesco, em São Paulo, na terça-feira, dia 27 de maio, às 21h.

A orquestra interpreta a “Sinfonia nº 4 em Si Bemol Maior – Opus 60”, de Ludwig van Beethoven e duas sinfonias do compositor austríaco Joseph Haydn – “Sinfonia dos Brinquedos” e “Sinfonia da Despedida”.

Na execução da primeira peça, brinquedos sonoros de época vão se misturar ao som da orquestra. Já no último movimento da “Sinfonia da Despedida”, os músicos da orquestra vão apagando suas velas e saindo um por um do palco. O maestro João Carlos Martins e dois violinistas apagam as três últimas velas antes de se retirarem do palco.

Ao piano, João Carlos Martins interpreta a “Ária da 4ª Corda”, de Bach, e “Ladies in Lavender”, do compositor britânico Nigel Hess, acompanhado da Bachiana Filarmônica SESI-SP.

João Carlos Martins
Símbolo de superação e talento, João Carlos Martins iniciou seus estudos de piano aos oito anos, e três anos depois começava sua carreira no Brasil. Aos dezoito, já estava tocando no exterior. Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach, teve como um dos pontos altos de sua carreira a gravação da obra completa para teclado desse gênio da música. Por problemas físicos, abandonou os palcos como pianista no ano de 2002, mas não deixou a música de lado e retornou aos palcos em 2004 como maestro. Hoje, aos 73 anos, é regente e diretor-artístico da Bachiana Filarmônica SESI-SP, já lançou 25 álbuns, escreveu um livro emocionante sobre sua vida, intitulado “A Saga das Mãos”, é o único brasileiro a ter sua vida registrada por cineastas europeus por duas vezes, e conta com um registro fotobiográfico, lançado na ONU.

Bachiana Filarmônica SESI-SP
Quando João Carlos iniciou o projeto de criar uma orquestra apenas com a iniciativa privada, muitos duvidaram, mas já são mais de mil apresentações nos principais teatros do Brasil e do mundo. A qualidade dos músicos da Bachiana, selecionados entre as melhores orquestras brasileiras, tem sido muito elogiada. São profissionais que fazem questão de aprimorar seu talento com trabalho e estudo. A orquestra, fundada em 2004, não tardou a ganhar o merecido reconhecimento. Após cinco temporadas em que se apresentou pelo Brasil, encantou o público americano com cinco atuações de gala - duas no Carnegie Hall, em 2007 e 2008, e três no Lincoln Center, em 2009, 2010 e 2011.

SERVIÇO: Bachiana Filarmônica SESI-SP no Teatro Bradesco (SP)

Regência e solo: João Carlos Martins
Dia: Terça-feira, dia 27 de maio
Local: Teatro Bradesco 
Endereço: Rua Turiassú, 2100, 3º piso do Bourbon Shopping
Horário: 21h
Ingressos: R$ 25 a R$ 40
Pontos de venda: Bilheteria do Teatro Bradesco, pelo telefone 4003-1212 e pelo site www.ingressorapido.com.br
Classificação indicativa: 10 anos
Duração: 60 minutos
Informações: www.teatrobradesco.com.br

Voltar